BragaFest.com – O melhor do entretenimento da Região

Veja como fica o rendimento da poupança, Tesouro e CDB | www.bragafest.com
0

Veja como fica o rendimento da poupança, Tesouro e CDB

A alta da Selic em 12,75% ao ano é a maior desde fevereiro de 2017; entenda como isso afeta seus lucros

Aumento contínuo dos juros é uma estratégia do Banco Central para combater a inflação | Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Conforme aguardado pelo mercado, o Copom (Comitê de Política Monetária) do BC (Banco Central) aumentou nesta quarta-feira (4) a taxa básica de juros, a Selic, em 1 ponto percentual, para 12,75% ao ano. É a maior taxa desde fevereiro de 2017.

Concurso da Mega-Sena é sorteado. Veja os números

O movimento aumenta, ainda mais, a atratividade de títulos de renda fixa, em especial daqueles pós fixados, que passam a oferecer um rendimento maior a cada alta da Selic.

Embora ativos de maior risco como as ações na Bolsa de Valores tendam a permanecer sob intensa volatilidade com os juros mais altos não só no Brasil, mas também nos Estados Unidos, especialistas apontam a importância de manter alguma diversificação da carteira.

Inflação

O aumento contínuo dos juros é a estratégia do BC para combater uma inflação que custa a dar sinais de trégua. O IPCA-15, prévia da inflação oficial do país, teve alta de 1,73% em abril, o maior percentual para o mês desde 1995.

No comunicado divulgado junto à decisão, a autoridade monetária sinalizou a continuidade do ciclo de alta dos juros, mas em uma intensidade menor. “Para a próxima reunião, o Comitê antevê como provável uma extensão do ciclo com um ajuste de menor magnitude”, diz o Copom.

Desde que o BC iniciou o processo de aperto nas condições monetárias, com a Selic saindo da mínima histórica de 2% em março de 2021 para os atuais 12,75%, a classe da renda fixa tem atraído um interesse cada vez maior por parte de investidores em busca de ganhos polpudos e risco baixo.

E MAIS:

Senado pede explicações para McDonald’s e Burger King

FGTS: resgate número do Pis para pode sacar até R$ 1 mil

 

Veja o que muda no rendimento com o aumento ada taxa Selic em 12,75% aa
 Veja o que muda no rendimento com o aumento ada taxa Selic em 12,75% aa | Marcello Casal Jr/Agência Brasil

 

Rendimentos

Os investimentos mais conservadores de renda fixa, como poupança e CDB, passaram a atrair a atenção dos investidores desde meados do ano passado. Com o novo aumento da taxa Selic, eles tendem a ganhar ainda mais atratividade.

Com o novo patamar da taxa básica de juros, um investimento de R$ 1.000 no título público pós fixado Tesouro Selic renderia ao aplicador um montante de aproximadamente R$ 106,32, considerado um intervalo de 12 meses.

Poupança

Já a poupança tem o pior retorno entre as opções analisadas, mesmo sem ter desconto do Imposto de Renda. O valor considera uma taxa de juros de 12,89% da aplicação e já desconta a incidência da alíquota de IR (Imposto de Renda) de 17,5% para os investimentos resgatados dentro do prazo de um ano.

CDB

Pelos cálculos da Anefac, os CDBs (Certificados de Depósitos Bancários) de bancos de médio porte representam a opção mais vantajosa dentre as principais alternativas, devolvendo ao investidor que aplicar R$ 1.000,00 no prazo de um ano o valor de R$ 115,71, descontado o IR na fonte.

Nesse caso, os juros considerados são de 14,03% ao ano. No caso dos grandes bancos, o valor recebido de volta após 12 meses seria de R$ 97,82, mediante a aplicação de juros de 11,86%.

DOL

WhatsApp Image 2022-05-06 at 11.07.52
site3
site1
site5
LCSITEMAS
espa
previous arrow
next arrow